Conhece Dito Von Tease? Artista cria retratos a partir de impressões digitais

Com a popularidade em alta na internet, Dito Von Tease é uma web personalidade que você precisa conhecer.

Por trás do pseudônimo inspirado na artista burlesca Dita Von Teese, há um diretor de arte que se tornou conhecido pelos adoráveis retratos de políticos, celebridades e ícones da cultura pop criados a partir de impressões digitais desde 2009.

Autorretrato de Dito Von Tease/Reprodução

Autorretrato de Dito Von Tease/Reprodução

Esse elemento dá um quê especial ao trabalho do discreto italiano, que não revela a identidade.

Imagens de Barack Obama, Ernesto Che Guevara (1928 – 1967), Hello Kitty, Ronald McDonald e até Jesus Cristo fazem parte de Ditology – site que reúne a obra do artista.

Dito (dedo, em italiano) gasta entre 6 e 8 horas em cada pintura digital e conta com a ajuda do fiel escudeiro Photoshop.

Em março passado, o europeu lançou o app Ditology (US$ 0,99). Com mais de 5 milhões de combinações, o aplicativo permite que os usuários de iPhones produzam suas próprias “dito” peripécias.

Frida Kahlo sob a ótica do artista italiano/Reprodução

Frida Kahlo sob a ótica do artista italiano/Reprodução

Em entrevista por
e-mail ao deborando, o ilustrador falou um pouco mais sobre o seu universo.

***

deborando – Qual
é a essência de seu trabalho?

Dito Von Tease – É um convite para que as pessoas se olhem por trás das máscaras que usamos.

Nossa identidade é complexa, é o resultado de combinações de componentes verdadeiros e fictícios, individuais e sociais, naturais e culturais e, atualmente, reais e virtuais.

Na era digital, o dedo é a ferramenta que utilizamos em nossos aparelhos touch screen, em nossos mouses e em nossos teclados. Durante nossa navegação pela web e pelas redes sociais, nos escondemos atrás dele.

Frequentemente, usamos nossa identidade virtual para expressar ideias, sensações e sonhos que dificilmente faríamos na vida real.

Doutor Spock é o personagem favorito do diretor de arte/Reprodução

Doutor Spock é o personagem favorito do diretor de arte/Reprodução

deborando – Depois do app Ditology, podemos esperar por um livro homônimo?

Dito Von Tease – Não planejo lançar um livro. No entanto, se os editores brasileiros se interessarem, posso pensar em algo.

Hoje, meu trabalho está publicado em dois títulos para crianças: Weird but True! (National Geographic) e Ripley’s Believe It or Not!.

Seja bonzinho e curta a página do deborando ;) no Facebook!

deborando – Qual é o seu retrato favorito?
Dito Von Tease – Talvez, o do doutor Spock [Star Trek]. Ele foi o personagem da minha infância. Também o de Frida Kahlo. O retrato dela foi o mais difícil de todos, pois tem muitos detalhes.

deborando – Quando uma personalidade brasileira será “ditoalizada”?
Dito Von Tease – Escolham… Pode ser o Pelé, o Ronaldo, a Dilma Rousseff, o Caetano Veloso ou o Gilberto Gil.

DITO VON TEASE NA WEB
www.ditology.blogspot.it
www.facebook.com/pages/Dito-Von-Tease

Gostou? Leia também
À beira dos 75 anos, filme O Mágico de Oz é (mais uma vez!) capitalizado
Grátis: Documentário Elena é exibido na Biblioteca Mário de Andrade
Helmut Newton e as suas modelos “invadem” museu de fotos em Estocolmo
Com direção de Marcelo Rubens Paiva,
peça multimídia Deus É um DJ estreia em SP

Lou Reed & Mick Rock: Pré-venda do livro
de fotografias Transformer se inicia na web

A História de “O”: Graphic novel de Guido Crepax volta às livrarias brazucas
Bichanos se tornam protagonistas de pinturas
clássicas no livro Cat Art Collection

Livro Linda McCartney: Life in Photographs ganha versão para iPad
Iggy & The Stooges lança novo disco; Ouça agora Ready to Die!
Bowie anuncia pré-venda da edição de 40 anos de Aladdin Sane
Grátis: Nova edição da revista Factice já está na web

Debora de Lucas


//

W3Counter

Anúncios

Bichanos se tornam protagonistas de pinturas clássicas no livro Cat Art Collection

A Mona Lisa, de Leonardo da Vinci (1452 – 1519), se transformou em Gatalisa. A Vênus, de Sandro Botticelli (1445 – 1510), ganhou uma versão felina. Até A Criação de Adão, de Michelangelo (1475 – 1564), não escapou do processo de bichanização. O artista plástico japonês Shu Yamamoto é o cara por trás dessas metamorfoses.

O livro de Shu Yamamoto foi lançado em 2012 no Japão/Reprodução

O livro de Shu Yamamoto foi lançado em 2012 no Japão/Reprodução

Essas divertidas traquinagens e
outras mais estão reunidas no livro
Cat Art Collection (Kyuryudo Art-Publishing).

O título de 280 páginas apresenta 124 releituras de obras-primas do mundo das Artes.

Seja bonzinho e curta a página do deborando ;)
no Facebook!

Lançado no Japão em 2012, o charmoso volume não tem data para chegar ao Brasil.

No entanto, os interessados no trabalho do sexagenário podem arrematar um dos 15 mil exemplares no site da editora.

Gostou? Leia também
Eduardo Dussek em dose tripla: Músico faz shows gratuitos em SP
DJ ADA é atração principal da 25ª Green Sunset em SP
Livro Linda McCartney: Life in Photographs ganha versão para iPad
Peça teatral A Casa Amarela chega ao CCJ: Ator Gero
Camilo se transforma em Van Gogh no espetáculo
Mostra gratuita do cartunista Glauco reconta história recente do Brasil
Exposição do fotógrafo Eric Swayne traz Rolling Stones nos anos 1960
Iggy & The Stooges lança novo disco; Ouça agora Ready to Die!
Bowie anuncia pré-venda da edição de 40 anos de Aladdin Sane
Grátis: Nova edição da revista Factice já está na web
Loja virtual lança camiseta com Arc Reactor do Homem de Ferro
Semana das Querências: Entrevistar o ator Michael Fassbender
O passado e o presente de 6 top galãs dos anos 1980
Sem Tony Scott, filme Fome de Viver completa 30 anos
A partir de 100 filmes, livro reconta história da Sci-Fi no cinema

Debora de Lucas


//

W3Counter

Panorâmica da artista plástica Adriana Varejão segue até 10/6 no Malba

A mostra panorâmica Adriana Varejão. Histórias às Margens permanece no Museo de Arte Latinoamericano de Buenos Aires (Malba) até 10 de junho.

Consagrada pela crítica brasileira, a exposição já pôde ser conferida nos Museus de Arte Moderna (MAM) de São Paulo e do Rio de Janeiro.

Segundo o Malba, essa é a primeira retrospectiva da artista plástica Adriana Varejão na instituição argentina.

Detalhe da tela Panorama da Guanabara (2012), de Adriana Varejão/Divulgação

Detalhe da tela Panorama da Guanabara (2012), de Adriana Varejão/Divulgação

Com curadoria de Adriano Pedroso, a exibição reúne 40 obras da fluminense. A seleção inclui peças dos anos 1990 até os dias de hoje. Os trabalhos, que discutem a colonização portuguesa no Brasil e as suas mazelas, são provenientes de coleções (brazucas e gringas) públicas e privadas.

Seja bonzinho e curta a página do deborando ;) no Facebook!

Localizada no segundo andar do museu portenho (Avenida Figueroa Alcorta 3415, tel.: +54 (11) 4808 – 6500, www.malba.org.ar), a mostra – inaugurada no último dia 10 – recebeu avaliações positivas dos jornais argentinos Clarín e La Nacíon.

Encuentro Cara a Cara – Adriana Varejão concede uma palestra no Malba nesta quarta-feira (17). A atividade denominada Encuentro Cara a Cara acontece às 18h30 e é coordenada por Marta Penhos.

Gostou? Leia também
Cineasta David Lynch ganha mostra gratuita em SP
Semana das Querências: Entrevistar o ator Michael Fassbender
Semana das Querências: Ir à exposição David Bowie Is em Londres
Inscrições para exposição Alameda: Arte de Rua seguem até 5 de maio
Livro gringo resgata história das pin-up magazines
Quase sessentão Billy Idol faz 21 shows nos States
A Regra do Jogo abre mostra cinematográfica gratuita no Sesc Pinheiros
Fotógrafo Sebastiano Rossi exalta nudez feminina
Mostra reúne 60 fotografias da viagem de Mário de Andrade à Amazônia
David Bowie anuncia pré-venda da edição de 40 anos de Aladdin Sane
Grátis: Arte cusquenha permanece até 28 de abril no Palácio da Boa Vista
Inscrições para Google Science Fair 2013 rolam até 30 de abril
Repaginado, romance de Philip K. Dick volta às livrarias brazucas
Fotógrafo Henri Cartier-Bresson ganha retrospectiva em Estocolmo
O passado e o presente de 6 top galãs dos anos 1980
Sem Tony Scott, filme Fome de Viver completa 30 anos
A partir de 100 filmes, livro reconta história da ficção científica no cinema

Debora de Lucas


//

W3Counter

Inscrições para exposição Alameda: Arte de Rua seguem até 5 de maio

As inscrições para a mostra Alameda: Arte de Rua acontecem até 5 de maio no Centro Cultural da Juventude Ruth Cardoso (CCJ), na cidade de São Paulo.

Street art de Naldo Ef.co/Divulgação

Street art de Naldo Ef.co/Divulgação

A exposição aceita candidaturas de projetos de graffiti, sticker, stencil, lambe-lambe e pichação. Os artistas responsáveis pelas obras devem ter experiência em intervenções urbanas, informa a organização. As inscrições
são gratuitas.

Três trabalhos serão selecionados e cada projeto receberá R$ 4 mil
destinados à execução.

Seja bonzinho e curta a página do deborando ;) no Facebook!

O resultado será divulgado em 15 de maio, e as obras vencedoras serão expostas em três exibições que ocorrerão em julho, setembro e dezembro. Mais informações em ccjuve.prefeitura.sp.gov.br.

Gostou? Leia também
Livro gringo resgata história das pin-up magazines
Quase sessentão Billy Idol faz 21 shows nos States
A Regra do Jogo abre mostra cinematográfica gratuita no Sesc Pinheiros
Affordable Art Fair NYC começa nesta quinta (4/4) nos EUA
Fotógrafo Sebastiano Rossi exalta nudez feminina
Mostra reúne 60 fotografias da viagem de Mário de Andrade à Amazônia
David Bowie anuncia pré-venda da edição de 40 anos de Aladdin Sane
Exposição gratuita Batom, Lápis & TPM rola até 7/4
Grátis: Arte cusquenha permanece até 28 de abril no Palácio da Boa Vista
Inscrições para Google Science Fair 2013 rolam até 30 de abril
Repaginado, romance de Philip K. Dick volta às livrarias brazucas
Fotógrafo Henri Cartier-Bresson ganha retrospectiva em Estocolmo
O passado e o presente de 6 top galãs dos anos 1980
Sem Tony Scott, filme Fome de Viver completa 30 anos
A partir de 100 filmes, livro reconta história da ficção científica no cinema

Debora de Lucas


//

W3Counter

Affordable Art Fair começa nesta quinta (4/4) em Nova York

A edição Primavera 2013 da descolada Affordable Art Fair da cidade de New York se inicia nesta quinta-feira (4/4) no Metropolitan Pavilion, nos Estados Unidos.

A 12ª edição do mercadão cool reúne 80 galerias – europeias, asiáticas, norte e latino-americanas – que exibem e vendem pinturas, xilogravuras, esculturas e fotografias de novos artistas contemporâneos.

Cartaz oficial da edição Primavera 2013 da Affordable Art Fair NYC/Reprodução

Cartaz oficial da edição Primavera 2013 da Affordable Art Fair NYC/Reprodução

Os trabalhos custam entre US$ 100 e US$ 10 mil (respectivamente R$ 200 e R$ 20 mil), segundo os organizadores. Ainda de acordo com os caras, a maioria das obras sai por menos de US$ 5 mil (cerca de R$ 10 mil).

A feira rola até domingo (7/4), sempre a partir das 11h.

Entrada
Os ingressos estão à venda e podem ser comprados por US$ 15 (aproximadamente R$ 30), para o público em geral, e US$ 10 (mais ou menos R$ 20), para estudantes e aposentados. Crianças menores de 12 anos não pagam.

Seja bonzinho e curta a página do deborando ;) no Facebook!

Quem quiser dar um voltinha pela Affordable Art sem desembolsar um tostão, deve comparecer ao evento na sexta-feira (5/4), das 18h às 20h. Nesse período, a entrada é franca.

Vernissage bem paga
Os ingressos para a festa de inauguração (3/4, das 19h às 22h) já podem ser adquiridos e custam US$ 65 (cerca de R$ 130), para uma pessoa, e US$ 125 (aproximadamente R$ 250), para duas pessoas. Na porta, o preço é US$ 75 (mais ou menos R$ 150) por cabeça.

AFFORDABLE ART FAIR NYC 2013 – 12ª EDIÇÃO DE PRIMAVERA
Festa de inauguração: 3 de abril (quarta-feira) | Horário: 19h às 22h
Quanto? de US$ 65 a US$ 125. Mais informações em affordableartfair.com/newyork/visit/special-events.
Data: de 4 a 7 de abril | Horário: de quinta-feira a sábado (4 a 6/4), das 11h às 20h; no domingo (7/4), das 11h às 17h. | Quanto: de US$ 10 a US$ 15. Crianças menores de 12 anos não pagam. Mais informações em affordableartfair.com/newyork/visit.
Entrada gratuita: sexta (5/4), das 18h às 20h
The Metropolitan Pavilion
125 West 18th Street
New York | NY 10011 | EUA
affordableartfair.com/newyork | Site oficial [em inglês]

Gostou? Leia também
Fotógrafo Sebastiano Rossi exalta nudez feminina
Mostra reúne 60 fotografias da viagem de Mário de Andrade à Amazônia
David Bowie anuncia pré-venda da edição de 40 anos de Aladdin Sane
Exposição gratuita Batom, Lápis & TPM rola até 7/4
Livro New York Nights se desdobra em exposição de fotos nos EUA
Grátis: Arte cusquenha permanece até 28 de abril no Palácio da Boa Vista
Inscrições para Google Science Fair 2013 rolam até 30 de abril
Repaginado, romance de Philip K. Dick volta às livrarias brazucas
Fotógrafo Henri Cartier-Bresson ganha retrospectiva em Estocolmo
Liga da Justiça luta contra a fome no Chifre da África
Sociólogo destrincha jihadismo da Al Qaeda em livro
O passado e o presente de 6 top galãs dos anos 1980
Sem Tony Scott, filme Fome de Viver completa 30 anos
A partir de 100 filmes, livro reconta história da ficção científica no cinema
Belo corpo do músico Adam Levine “causa”… mais uma vez

Debora de Lucas


//

W3Counter

Exposição gratuita Batom, Lápis & TPM rola até 7/4

A mostra gratuita Batom, Lápis & TPM pode ser conferida até 7 de abril no Armazém 14A, no Parque Engenho Central, em Piracicaba, no interior do Estado de São Paulo.

A terceira edição da exposição reúne cerca de cem trabalhos produzidos por 59 artistas brazucas e gringas. Cartuns, caricaturas, charges, esculturas e tiras compõem o evento com ares de girl power.

O cartum da espanhola Anne Derenne faz parte da exposição Batom, Lápis & TPM 2013/Divulgação

O cartum da espanhola Anne Derenne faz parte da exposição Batom, Lápis & TPM 2013/Divulgação

Realizada desde 2011 pelo Centro Nacional de Documentação, Pesquisa e Divulgação do Humor Gráfico da cidade (Cedhu), a exibição tem a missão de estimular e oferecer espaço a mulheres que desenhem amadora e profissionalmente de todos os cantos do planeta.

Reforço
Além de seus “cenzinhos”, a Batom, Lápis & TPM expõe 30 trabalhos que compuseram o 1º Salão Internacional de Humor de Pernambuco.

Seja bonzinho e curta a página do deborando ;) no Facebook!

A mostra nordestina aconteceu no ano passado e teve a Mulher como tema.

BATOM, LÁPIS & TPM 2013
Data: Até 7 de abril (domingo)
Horário: De terças a sextas-feiras, das 10h às 12h, e das 14h 17h. Aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 17h. | Entrada franca
Parque Engenho Central | Armazém 14A
Avenida Maurice Allair, s/n, Piracicaba, São Paulo
Telefone: (19) 3403-2620
 e-mail: contato@salaodehumor.piracicaba.sp.gov.br

Gostou? Leia também
Coleção Stanley Kubrick em DVD sai por R$ 99,90 na Livraria Cultura
Livro New York Nights se desdobra em exposição de fotos nos EUA
Grátis: Arte cusquenha permanece até 28 de abril no Palácio da Boa Vista
E se Anakin Skywalker não tivesse se tornado Darth Vader…
Inscrições para Google Science Fair 2013 rolam até 30 de abril
Repaginado, romance de Philip K. Dick volta às livrarias brazucas
Fotógrafo Henri Cartier-Bresson ganha retrospectiva em Estocolmo
Sociólogo destrincha jihadismo da Al Qaeda em livro
Black divas Elza Soares e Gaby Amarantos se apresentam juntas em SP
O passado e o presente de 6 top galãs dos anos 1980
Sem Tony Scott, filme Fome de Viver completa 30 anos
Stormtroopers como você (possivelmente) nunca viu

Debora de Lucas


//

W3Counter

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: